Pons Medical Research

barriga de aluguel na Ucrânia

Construindo uma família por meio de barriga de aluguel na Geórgia

Construindo uma família por meio de barriga de aluguel na Geórgia

A maternidade substituta é um procedimento particular que implica que a gravidez não é realizada pela mãe genética, mas por uma mãe substituta. TPode haver várias razões pelas quais um casal recorre à barriga de aluguel: talvez a gravidez não seja possível devido a problemas de saúde ou idade avançada.

Como você encontra uma mãe de aluguel e quais são as regras?

O primeiro passo é encontrar um provedor de barriga de aluguel. Você pode conferir nosso artigo de blog sobre como encontrar um bom agência de barriga de aluguel aqui. Se a questão sobre a seleção de uma mãe de aluguel for resolvida, um exame médico e psicológico completo de uma mãe de aluguel em potencial será realizado antes do início do tratamento. Se tudo estiver bem e todas as partes estiverem satisfeitas, o ciclo de fertilização in vitro começa com a estimulação da superovulação da paciente ou da doadora (caso seja necessário doar os óvulos da doadora). Nesses procedimentos, os óvulos da mãe de aluguel não são usados e a criança não será ligada geneticamente a ela.

Após a maturação dos folículos, esses óvulos são pontuados e, nas condições do laboratório de embriologia, ocorre a fertilização com o esperma do Pretendido. Os embriões obtidos serão então transferidos para o útero de uma mãe substituta, onde a gravidez se desenvolverá.  

Barriga de aluguel moderna (gestacional) 

Na barriga de aluguel gestacional, a fertilização ocorre fora do útero usando fertilização in vitro ou ICSI. O óvulo é da futura mãe ou de um doador e é fertilizado pelo esperma do futuro pai. O óvulo fertilizado é então colocado no útero da mãe substituta. Nesse caso, a futura mãe pode ser a mãe biológica da criança, mas não necessariamente se o casal optar pela doação de óvulos. Às vezes, mães que não conseguem usar seus óvulos, por exemplo, podem usar um óvulo de uma irmã ou outro membro da família, para que a criança ainda se pareça com os dois pais. Como os médicos estão sempre envolvidos em barrigas de aluguel de alta tecnologia na Geórgia, existem regras para quem pode se beneficiar disso.

Cuidados na gravidez

Os cuidados com a gravidez são o próximo passo após a fertilização e a confirmação da gravidez. Durante os próximos 9 meses, uma equipe de especialistas deve cuidar da gravidez. Como a barriga de aluguel é considerada uma “gravidez não fisiológica”, ou seja, não natural, o atendimento à gravidez deve ser especializado, com suplementação de hormônios e outros medicamentos de suporte que evitem a rejeição do feto. Como não há vínculo genético entre a mãe de aluguel e a criança que ela carrega, os riscos de aborto espontâneo são de alguma forma maiores e devem ser compensados com cuidados médicos adicionais.

Entrega

A etapa final do programa de barriga de aluguel é a entrega. Pode-se pensar que, uma vez formado o bebê, há pouco risco de complicações, mas isso não é verdade. Conforme explicado anteriormente, a gravidez de aluguel não é fisiológica e precisa de suporte adicional e cuidados especializados. As clínicas de fertilização in vitro, em 99% dos casos, não estão envolvidas no parto do bebê, pois isso é tarefa de uma maternidade. Como não há conexão entre a clínica de fertilização in vitro e a maternidade, o papel da agência de barriga de aluguel é especialmente importante para um parto bem-sucedido. Em primeiro lugar, é fundamental escolher uma maternidade moderna, com tecnologia de ponta e capacidade para cuidar do bebê, caso seja necessária a Terapia Intensiva Neonatal para sua recuperação após o nascimento. O custo da assistência à prematuridade também deve estar especificado no contrato para evitar surpresas, pois a assistência à prematuridade envolve altos gastos. A Pons Medical trabalha com Pineo Ecossistema Médico, a melhor maternidade da Geórgia, para uma jornada de barriga de aluguel bem-sucedida. 

Compartilhe esta publicação

pt_BRPT
× Como posso ajudar o senhor?